Diâmetro primitivo
 


Por Oswaldo de Toledo, consultor de treinamento em flexo
Diâmetro primitivo: sua importância na impressão flexo

Diâmetro é quando uma linha reta passa pelo centro de um círculo e termina de ambos os lados desse circulo, dividindo esse circulo em duas partes iguais.

A palavra primitivo quer dizer inicial, original, primeiro. Transportando essas informações para a área flexográ fica, teremos a seguinte definição: diâmetro primitivo é o ponto exato de tracionamento dos dentes de duas engrenagens que se tocam para se movimentarem.

Existem vários tipos de dentes e módulos de engrenagem, sendo que cada engrenagem tem o seu diâmetro primitivo.


Figura 01: Diâmetro primitivo.

Vamos analisar, por exemplo, um cilindro portaclichê. É através do seu diâmetro primitivo que obteremos o comprimento da impressão gerada por esse cilindro: multiplicando o valor do diâmetro primitivo por 3,1415927 ou 3,1416 que é o valor do π (símbolo matemático usado para fazer cálculo em círculos e vale 3,1415927, o número é infinito), teremos o valor do perímetro que é o valor obtido como se tivéssemos passado uma fita métrica em volta desse cilindro.

O valor obtido é o comprimento total da impressão.

O diâmetro primitivo é conseguido usando como parâmetro: altura total do dente da engrenagem desse cilindro, medindo a metade da altura desse dente e puxando uma linha reta lado a lado, assim teremos o diâmetro primitivo dessa engrenagem.


Figura 02: Diâmetro primitivo de um cilindro porta-clichê.

Importância

É a partir do diâmetro primitivo da engrenagem que teremos todas as referências de medidas do cilindro porta-clichê. É através dele que podemos determinar a espessura do clichê, da dupla-face e o diâmetro do cilindro liso ou da camisa sleeve a ser usada.


Uso correto

Um cilindro porta-clichê trabalhando dentro do diâmetro primitivo faz com que a impressão se realize de maneira suave, sem impactos no conjunto impressor.

Na cultura da impressão flexográfica, costumamos dizer que os pontos se definem corretamente sem que haja o seu deslizamento (escorregamento) ou ampliação do seu tamanho (ganho de ponto) e não gere defeitos - marcas de engrenagem na impressão devido ao excesso de engrenamento por estar abaixo do diâmetro primitivo.


Problemas gerados

Quando o clichê está imprimindo acima do diâmetro primitivo há um desgaste do grafismo do clichê, gerando ganho de ponto através da deformação da imagem, o que pode, também, gerar squash.

Trabalhando abaixo do diâmetro primitivo, aparecem as marcas de engrenagem, que são o mesclado de áreas claras e escuras numa mesma região, como se fossem ondas. Um detalhe aparentemente simples, mas que tem uma complexidade devido à grande quantidade de variáveis existentes no processo.

Esses problemas citados podem ser gerados, também, por conseqüência de outras variáveis, as quais não cabem a este tema.



 
« voltar
 
   
   
www.triflexmaquinasgraficas.com.br © 2014
Desenvolvimento: www.codnet.com.br